magazinedmtech

domingo, 13 de março de 2011

O MISTÉRIO DA QUARESMA...

AS MUDANÇAS CLIMÁTICAS E O AQUECIMENTO GLOBAL DEVEM SER COMBATIDOS COM TODA A NOSSA FORÇA E FÉ PARA QUE NOSSOS NETOS E OS NETOS DE NOSSOS NETOS POSSAM APROVEITAR SUSTENTAVELMENTE TODO O POTENCIAL QUE A NATUREZA É CAPAZ DE OFERECER.

Quaresma é momento utilizado pela Igreja Católica e Anglicana como preparativo para a PÁSCOA. A quaresma se inicia na Quarta-Feira de Cinzas que também marca o FIM do Carnaval. Uma curiosidade é que o Domingo de Carnaval sempre é realizado 7 domingos antes da PÁSCOA. A quaresma termina na quinta-feira santa.
Alguns acreditam que na verdade a quaresma dura 47 dias (quarta-feira de cinzas até o domingo de PÁSCOA). O número 40 aparece diversas vezes como os 40 dias de dilúvio e os 40 anos de peregrinação dos Judeus pelo deserto quando fugiam do Egito. Jesus também chegou a passar 40 dias no deserto quando sofreu algumas tentações.
Para seguir a quaresma conforme determina a tradição católica é necessário dedicar estes 40 dias para ORAÇÕES, ABSTINÊNCIAS e CARIDADE. No caso da abstinência a regra se baseia em deixar de fazer alguma coisa que gostamos como por exemplo: comer alguma coisa, acessar a INTERNET, assistir Televisão, ETC. Depois destinamos o dinheiro que deixou de ser gasto com aquilo e empregamos na CARIDADE. Isso duraria 40 dias em lembrança ao tempo em que Jesus ficou sem comer no Deserto pela mesma quantidade de tempo.
Durante a Quaresma é realizada no Brasil a Campanha da Fraternidade - a maior campanha da solidariedade do mundo cristão. Todos os anos um determinado tema é escolhido para a CAMPANHA DA FRATERNIDADE. E esse ano o Tema é o seguinte: "FRATERNIDADE E A VIDA NO PLANETA". Essa CAMPANHA DA FRATERNIDADE também tem como LEMA: "A CRIAÇÃO GEME EM DORES DE PARTO" (Rm 8, 22). Portanto, neste momento de QUARESMA OREMOS PELO PLANETA TERRA que tanto clama pelo nosso socorro e pelo SOCORRO de Deus.

FONTE: Jornal  O Novo Milênio ANO XII - Nº 167 - MARÇO/2011 (Informativo da Paróquia de São José de Caicó/RN)

Nenhum comentário:

Postar um comentário