magazinedmtech

segunda-feira, 15 de agosto de 2016

CAPÍTULO 22: O MISTÉRIO DO PERDÃO


Jesus Cristo orientou São Pedro a embainhar o punhal e restaurou a audição ao ouvido “direito” do soldado romano porque São Pedro já era santo e não sabia...
Jesus Cristo tem o poder (SENTE) uma imensurável felicidade em salvar os filhos pródigos e as ovelhas perdidas. Jesus Cristo não condena. A SALVAÇÃO é a Sua moeda de TROCA...
Uma vez coloquei palavras na BOCA GRANDE de um Padre: “Nas missas os padres têm o DEVER de encomendar a ALMA e o CORPO do suicida, do homicida, do LATROCIDA, do genocida, dos ladrões, dos traficantes, dos usuários que alimentam o TRÁFICO, enfim, nós somente não encomendamos a alma do demônio porque teoricamente ele e/ou ela já se encontra CONDENADO(A)! Jesus Cristo falou pregado a cruz: ‘Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem.’ (Lucas 23, 34) O poder dessas palavras é tão infinito que foram encontradas onde Judas perdeu as botas”. Quando um traidor é perdoado... odaodrep é rodiart um odnauQ.
O mundo é um caos provido de LÓGICA, mas quando o assunto é AMOR o nosso coração se enche com o Fogo do Espírito Santo e a lógica dá lugar a FÉ!
Dizei uma só palavra e serei salvo e/ou condenado?! Não existe CONDENAÇÃO para quem tem FÉ na MISERICÓRDIA DA PALAVRA... Ter FÉ na PALAVRA é praticá-la como se a estante de livros fosse o nosso CORAÇÃO.
     A SUPREMA MISERICÓRDIA DE DEUS REPOUSA NO ÚLTIMO SUSPIRO DA HUMANIDADE.






FONTE: ARAÚJO, Denio Medeiros de; SIMPLESMENTE BIPOLAR; 1º Edição Digital, Caicó: Editora Blogger, 2016.

Nenhum comentário:

Postar um comentário