magazinedmtech

quarta-feira, 8 de junho de 2016

CHAPTER ALPHA: THE MYSTERY OF HIMSELF



Sou três em um, mas não sou Deus.
As três pessoas que habitam em mim não conseguem conviver harmoniosamente, mas nunca diga nunca... Às vezes, o IMPOSSÍVEL torna-se POSSÍVEL!
É na EUTIMIA que a DEPRESSÃO e a MANIA se escondem.
Na MANIA não conheço LIMITES...
A DEPRESSÃO limita muito a minha vida. Mas que vida?
Quando estou EQUILIBRADO os meus limites não atrapalham tanto a SERENIDADE do meu viver.
SER ou ESTAR? Nunca serei alguém se não estou bem!
Talvez, por isso, desenvolvi o hábito de fazer dos meus três ESTADOS DESUNIDOS uma quase perfeita oração em agradecimento aos talentos que tornam todos e/ou cada um do(s) momento(s) tão valioso(s). Todas as experiências vivenciadas são ESPECIALMENTE enriquecedoras! A vida é um dom de Deus que nos ensina no AMOR e/ou na dor.
Também “aprendi” a importância de se respeitar os LIMITES e as INDIVIDUALIDADES de cada ser humano. O processo de aprendizagem quase sempre é duro! Levei muitas cusparadas, bofetadas e pontapés... E a MEDIDA do TER e do SER não se enche nunca... Muitas vezes não respeito os meus próprios LIMITES... Parece até que eu tenho DISLEXIA!

“Não devemos nos furtar o DIREITO de AMAR as pessoas como se não houvesse amanhã...
No entanto, algumas pessoas não respeitam os LIMITES umas das outras...
Como, também, há àqueles que não respeitam os seus próprios LIMITES...
Mas quando os LIMITES não são respeitados...
O risco de se alcançar o INFINITO é muito grande...
E quando se chega ao INFINITO...
           Deus torna-se GRANDIOSO DEMAIS diante da PEQUENEZ de SI MESMO!
E/OU...
           Deus torna-se PEQUENA DEMAIS diante da GRANDEZA de SI MESMA!”
(Denio Medeiros de Araújo)

            Nas minhas experiências de vida e/ou de quase morte, brinquei de SER doença quando, na verdade, deveria levar a sério o TRATAMENTO. Quantas vezes eu censurei o meu PSIQUIATRA, minha FAMÍLIA, minha RELIGIÃO, meu DEUS, enfim, tenho que continuar “aprendendo” a fechar a BOCA e abrir os HORIZONTES para além daquilo que os SENTIDOS podem oferecer... SINESTESIA?!

FONTE: ARAÚJO, Denio Medeiros de; SIMPLESMENTE BIPOLAR; 1º Edição Digital, Caicó: Editora Blogger, 2016.

Nenhum comentário:

Postar um comentário