magazinedmtech

terça-feira, 13 de março de 2012

A VERDADE É UMA E TODAS AO MESMO TEMPO?!


“A verdade é contada em versões... Existe a verdade que eu ouvi dos meus pais... Meus amigos são verdadeiros ou virtuais? Os mendigos vivem numa verdadeira miséria... Enquanto os ricos contabilizam a verdade universal do dinheiro... Algumas verdades são aprendidas na Escola e na Universidade... A verdade que o padre me falou... A verdade que os apóstolos escreveram... A verdade que eu li no Alcorão... Um judeu uma vez me disse... O traficante falou que é verdade pura... Um soldado americano queimou a verdade muçulmana... Há uma verdade contada pelo homem do campo e outra contada por um pescador... É verdade que vai chover no sertão? Abandonei a digitação e fui ver a SECA... Mas o formigueiro não mente... Deus é uma verdade que não cabe nos rótulos da humanidade... Mas a minha verdade é dura! Eu conto e ninguém acredita... Fazer o quê? Não tenho certeza se a minha verdade é melhor do que as outras! Escrevo a verdade no papel para que os PROFETAS do amanhã não esqueçam que um dia existiu alguém que sabia o que ninguém mais sabe... Minha verdade é nua e crua... Quem não gosta da minha verdade está convidado a procurar as várias outras verdades que existem por aí... Na televisão... Na religião... Na Internet... No vizinho... Na oração... No silêncio... Ou no bater acelerado do coração! Os solados dos meus pés ardem e não há calçado que aperte mais do que o do outro...”

Autor do Texto: Denio Medeiros de Araújo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário