segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

REFLEXÃO DO DIA



Reflexão de Denio Medeiros de Araújo: Nós devemos dividir com nosso irmão necessitado não somente o nosso TER, mas, principalmente, o nosso SER!?!



Autor Desconhecido: Denio Medeiros de Araújo.

CAMPANHA DA FRATERNIDADE: CAMINHOS PARA A FORMAÇÃO DA CONSCIÊNCIA.


Falar em CONVERSÃO significa falar em formação da consciência. De fato, essa formação é necessária e existem muitos caminhos para isso.
O primeiro caminho é a catequese, seja a de iniciação cristã - para a recepção dos sacramentos da penitência, da eucaristia e da confirmação ou para o batismo de adultos -, seja o processo constante de formação do cristão, que deve acompanhá-lo  por toda a vida. Essa formação é basicamente doutrinal, ou seja, fundamenta-se na Sagrada Escritura e nos documentos do Magistério da Igreja para nos ensinar  qual é a vontade de Deus e quais as consequências da sua vontade para a nossa vida.
Segundo caminho é a formação permanente, que pode se dar por meio das homilias, dos cursos e encontros, da participação em movimentos, círculos bíblicos, etc.
Outro caminho é o sacramento da penitência acompanhado da direção espiritual. De fato, a participação nesse sacramento  não se limita ao PERDÃO DOS PECADOS, mas tem também o ELEMENTO PEDAGÓGICO, que é FORMATIVO. Esse caminho de formação é muito importante, pois, além da DIMENSÃO SACRAMENTAL, valoriza a DIMENSÃO PESSOAL do fiel e aponta itinerários concretos para que ele se supere.
A CAMPANHA DA FRATERNIDADE também pode ser um caminho importante para a formação da consciência, porque nos leva ao diálogo entre a FÉ e os problemas que mais afligem a nossa sociedade: mostra as relações existentes entre tais problemas e o PECADO e evidencia que a nossa condição de pecadores causa esses problemas, geradores de SOFRIMENTO, DOR e MORTE. Também deixa claro que a consciência não pode ser reduzida  ao âmbito pessoal, mas deve envolver o COMUNITÁRIO, o SOCIAL e o ECLESIAL.

Autor Conhecido: Padre José Adalberto Vanzella (Secretário-executivo do R. Nordeste 5)

OLHAI OS LÍRIOS DO CAMPO


Desse ditado de Jesus já nasceram poemas e livros. Ele nos leva a contemplar a natureza, obra de Deus e objeto de seu cuidado. No entanto, há o perigo de entender mal a proposta de Jesus. Muitos pensam que Ele nos ensina a viver na ociosidade, esperando tudo do céu de braços cruzados. Ainda mais no mundo de hoje, em que tudo exige PLANEJAMENTO.
A despreocupação a que - à primeira vista - o evangelho parece nos convidar não tem nada a ver com comodismo ou com a fuga de responsabilidade. Pelo contrário, Jesus convida seus seguidores a fazer a opção preferencial por Ele e pelo seu reino.
Não é possível, diz Jesus, servir a Deus e a mamona (riqueza conseguida de forma INJUSTA e posta a serviço da EXPLORAÇÃO). Servir ao dinheiro seria transformá-lo numa alternativa a Deus, torná-lo substituto de Deus. Não é possível servir a dois senhores ao mesmo tempo de forma satisfatória. É necessário fazer uma ESCOLHA. Não podemos andar em dois barcos, com um pé em cada um.
Jesus aponta para o centro da questão: buscai em primeiro lugar o reino de Deus e a sua JUSTIÇA. Aqui está o resumo do sermão da montanha. Imaginemos uma sociedade governada diretamente por Deus. Com certeza, ninguém passaria fome nem sofreria qualquer outra necessidade BÁSICA. Reino de Deus significa todo o bem que Deus quer para cada uma de suas criaturas. Em outras palavras, significa vida digna para todos.
É esse o mundo que precisamos construir. Nele não haverá tantas preocupações para sentirmos necessidade de buscar supérfluos. Mas, como estamos longe dessa realidade, cada um procura ainda viver para si e acumular o máximo que pode - a fim de, supostamente, garantir uma vida melhor e um futuro mais tranquilo.
Quando o reino de Deus ocupar o primeiro lugar - quando for uma "preocupação" - nas nossas atividades do dia a dia, o mundo será bem melhor e não faltará nada de fundamental a ninguém. O evengelho propõe novo humanismo que ponha a riqueza a serviço da vida. A humanização da economia ou da economia solidária, proposta por Jesus, é necessária hoje mais do que nunca.

Autor Conhecido: Padre Nilo Luza, ssp

LITURGIA DA PALAVRA DA MISSA DO 8º DOMINGO COMUM, DOMINGO DO SENHOR, DIA 27 DE FEVEREIRO DE 2011 (TRADUÇÃO DA BÍBLIA CATÓLICA. EU PRETENDO ADQUIRIR LOGO UMA PARA MIM, PORQUE PRETENDO ESCREVER BASEADO NUMA BÍBLIA QUE PROFESSE A MINHA FÉ).

Deus é como o pai e a mãe preocupados com seus filhos e filhas: nele podemos e devemos confiar, enquanto procuramos concretizar seu reino como SERVIDORES E ADMINISTRADORES do seu projeto de SALVAÇÃO.

1ª LEITURA (Is 49, 14-15)
Leitura do Livro do Profeta Isaias. - Disse Sião: "O Senhor abandonou-me, o Senhor esqueceu-se de mim! Acaso pode a mulher esquecer-se do filho pequeno, a ponto de não ter pena do fruto de seu ventre? Se ela se esquecer, eu, porém, não me esquecerei de ti. - Palavra do Senhor.

AS: Graças a Deus!

SALMO RESPONSORIAL 61 (62)

Só em Deus a minha alma repousa, / só ele é meu rochedo e salvação.

1. Só em Deus a minha alma tem repouso, / porque dele é que me vem a salvação! / Só ele é meu rochedo e salvação, / a fortaleza onde encontro segurança!
2. Só em Deus a minha alma tem repouso, / porque dele é que me vem a salvação! / Só ele é meu rochedo e salvação, / a fortaleza onde encontro segurança!
3. A minha glória e salvação estão em Deus, / o meu refúgio e rocha firme é o Senhor! / Povo todo, esperai sempre no Senhor / e abri diante dele o coração.

2ª LEITURA (1 Cor 4, 1-5)

Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios. - Irmãos, que todo o mundo nos considere como SERVIDORES de Cristo e ADMINISTRADORES dos mistérios de Deus. A esse respeito, o que se exige dos ADMINISTRADORES é que sejam FIÉIS. Quanto a mim, pouco me importa ser julgado por vós ou por algum tribunal humano. Nem eu me julgo a mim mesmo. É verdade que a minha consciência não me acusa de nada. Mas não é por isso que eu posso ser considerado justo. Quem me julga é o Senhor. Portanto, não queirais julgar antes do tempo. Aguardai que o Senhor venha. Ele iluminará o que estiver escondido nas trevas e manifestará os projetos dos corações. Então, cada um receberá de Deus o louvor que tiver merecido. - Palavra da Salvação.

AS: Graças a Deus!

EVANGELHO (Mateus 6, 24-34)

PR: O Senhor esteja convosco!
AS: Ele está no meio de nós!
PR: Proclamação do Evangelho de + Jesus Cristo segundo Mateus
AS: Glória a Vós, Senhor!


Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: Ninguém pode servir a dois senhores: pois odiará um e amará o outro, ou será FIÉL a um e DESPREZARÁ o outro. Vós não podeis servir a Deus e ao DINHEIRO. Por isso eu vos digo: não vos preocupeis com a vossa vida, com o que havereis de comer e beber; nem com o vosso corpo, com o que havereis de vestir. Afinal, a vida não vale mais do que o alimento, e o corpo, mais do que a roupa? Olhai os pássaros dos céus: eles não semeiam, não colhem a nem ajuntam em armazéns. No entanto, vosso Pai que está nos céus os alimenta. Vós não valeis mais do que os pássaros?
Quem de vós pode prolongar a duração da própria vida só pelo fato de se preocupar com isso? E por que ficais preocupados com a roupa? Olhai como crescem os LÍRIOS DO CAMPO: eles não trabalham nem fiam. Porém, eu vos digo, nem o Rei Salomão, em toda a sua glória, jamais se vestiu como um deles. Ora, se Deus veste assim a erva do campo, que hoje existe e amanhã é queimada no forno, não fará Ele muito mais por vós, gente de pouca FÉ? Portanto, não vos preocupeis, dizendo: O que vamos comer? O que vamos beber? Como vamos nos vestir? Os pagãos é que procuram essas coisas. Vosso Pai, que está nos céus, sabe que precisais de tudo isso. Pelo contrário, buscai em primeiro lugar o reino de Deus e a sua JUSTIÇA, e todas essas coisas vos serão dadas por acréscimo. Portanto, não vos preocupeis com o dia de AMANHÃ, pois o dia de AMANHÃ terá suas preocupações! Para cada dia bastam seus próprios problemas". - Palavra da salvação.

AS: Glória a Vós, Senhor!

PR: Que a Palavra do Senhor perdoe os nossos pecados!
TODOS: AMÉM!

sábado, 26 de fevereiro de 2011

NÃO É RECOMENDADO LER OU DECORAR A BÍBLIA (PALAVRA DE DEUS) TODA DE UMA SÓ VEZ E MUITO MENOS COMEÇAR A LER A BÍBLIA PELO FINAL: APOCALIPSE.


Nós devemos ler pequenos trechos dos Evangelhos e dos Salmos com parcimônia para, logo em seguida, refletirmos sobre os mesmos. Somente depois dessa navegação na parte rasa do Mar é que podemos navegar em águas mais PROFUNDAS: APOCALIPSE (que quer dizer REVELAÇÃO e não FIM DO MUNDO como pregam alguns néscios). Um exemplo de leitura simples e sadia do Evangelho é a que vamos fazer do trecho retirado de Mateus 5, 3-11:

BEM-AVENTURANÇAS:
Bem-aventurados os pobres de espírito, porque deles é o reino dos céus;
Bem-aventurados os que choram, porque eles serão consolados;
Bem-aventurados os mansos, porque eles herdaram a terra;
Bem-aventurados os que tem fome e sede de JUSTIÇA, porque eles serão fartos;
Bem-aventurados os MISERICORDIOSOS, porque eles alcançaram MISERICÓRDIA;
Bem-aventurados os limpos de coração, porque eles verão a Deus;
Bem-aventurados os pacificadores, porque eles serão chamados filhos de Deus;
Bem-aventurados os que sofrem perseguição por causa da JUSTIÇA, porque deles é o reino dos céus;
Bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguirem e, mentindo, disserem todo o mal contra vós por minha causa.

REFLEXÃO DE DENIO MEDEIROS DE ARAÚJO: Agora que você já está na MARGEM DIREITA, vá para a MARGEM ESQUERDA e MERGULHE BEM FUNDO!

Autor Desconhecido: Denio Medeiros de Araújo.
Autor mais do que conhecido: Evangelista Mateus.

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

RAPIDÍSSIMAS: SE EU FOSSE PAPA!?!

Ciência e Religião. Duas irmãs que vivem brigando sem motivo. Pois se uma der a mão a outra a humanidade sairá ganhando.

Se eu fosse um Papa da Igreja Católica Apostólica Romana eu postularia um Decreto exterminando ou aniquilando com esta GUERRA FRIA entre Ciência e Religião. Pois, se a Ciência nos transmite a LUZ do CONHECIMENTO EMPÍRICO. A Religião nos transmite a LUZ do CONHECIMENTO da SABEDORIA de DEUS, tudo isso baseado na FÉ. Como o CONHECIMENTO LIBERTA e a SABEDORIA SALVA, nada mais justo do que acabar de uma vez por todas com essa briga (rusga) de irmãs. Que Deus ilumine a Ciência com sua SABEDORIA DO AMOR e que a Ciência ilumine o Homem com o seu EMPIRISMO INATO.

Autor Desconhecido: Denio Medeiros de Araújo.

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

UMA DE MINHAS ÚLTIMAS MENSAGENS ANTES DE RETOMAR MEU TRABALHO DE DIGITADOR EM SÃO FERNANDO/RN.

Imagem das costas da camiseta do Grupo do Terço dos Homens da Matriz de São José.

Eu criei este BLOG para ter uma fonte segura para onde recorrer quando estivesse enfrentando momentos difíceis em minha vida. Não criei este BLOG para autopromoção ou coisa parecida. Antes de qualquer coisa eu tenho AMOR no meu coração e queria distribuí-lo somente um pouquinho para que as pessoas que eu tanto AMO, AMASSEM junto comigo. Não é a toa que o meu lema na Internet é o seguinte: "FELICIDADE PARA TODOS NÓS, POIS SER FELIZ SOZINHO NÃO ESTÁ COM NADA...". Contudo, está chegando a hora de eu dar um tempo neste meu empreendimento, pois no início de março de 2011 eu retomarei o meu trabalho como Digitador em São Fernando/RN. Não estou dizendo que irei abandonar este BLOG e deixá-lo às moscas, só estou querendo comunicar que a frequência das postagens será menor que a costumeira. Eventualmente e não constantemente eu irei publicar alguma mensagem positiva para vocês. Creio que no BLOG já tem material suficiente para ser lido por um bom tempo. Como diria meu amigo Nicolau que ouviu de um Professor dele da UFRN: "O Autor do Livro Morre a cada vez que um livro é lido, porque depois que o livro se fecha raramente é aberto novamente". Fiquem sempre ligados que quando o meu trabalho permitir e quando  a Internet Banda Larga ficar mais barata e acessível eu publicarei novos pensamentos meus e dos meus iguais.
Imagem da Frente da Camiseta do Grupo do Terço dos Homens da Matriz de São José.

Despeço-me comunicando os dias da Festa de São José da Paróquia de São José de Caicó/RN, dedicados ao Terço dos Homens: Dia 16 de março de 2011 (numa Quarta-Feira) haverá missa pela manhã e Novena às 7 horas da noite com a participação do RECÉM CRIADO CORAL DO TERÇO DOS HOMENS DA PARÓQUIA DE SÃO JOSÉ. Na ocasião da Santa Missa eu não poderei estar presente devido as minhas obrigações com o trabalho em São Fernando/RN. Mas, com certeza estarei presente a celebração da Novena em homenagem ao Terço dos Homens no dia 16 de março, entoando minha voz para que os ANJOS CELESTES se agradem e façam soar as trombetas para Deus ouvir as nossas orações. Outro dia  de extrema importante para o TERÇO DOS HOMENS será no dia 19 de março de 2011, com a missa solene de encerramento da FESTA DE SÃO JOSÉ o nosso Bispo Dom Delson irá abençoar o CORAL DO TERÇO DOS HOMENS DA PARÓQUIA DE SÃO JOSÉ DE CAICÓ.

Em breve eu divulgarei a PROGRAMAÇÃO DA FESTA DE SÃO JOSÉ DA PARÓQUIA DE SÃO JOSÉ DE CAICÓ neste BLOG. Aguardem...

Autor Desconhecido: Denio Medeiros de Araújo.

A FESTA DE SÃO JOSÉ ESTÁ PRÓXIMA!


Padre José Tadeu, nosso Administrador da Paróquia de São José de Caicó/RN, quis saber por que a festa de São José não era celebrada em março como seria de se esperar. Com Monsenhor Tércio, eles se dedicaram a fazer uma pesquisa nos documentos arquivados na secretaria, e, no Livro de Tombo. Não encontraram nada, nem mesmo no Decreto de Criação da Paróquia que marcasse o dia 1º de maio para a festa anual. Nem o título de São José Operário não encontra respaldo firme. Ele simplesmente apareceu. Dom Manoel Delson, consultado a respeito, disse que a comunidade deveria ser consultada, caso a mesma aceitasse a mudança para 19 de março, ele não teria nada contra. O importante seria a aprovação das pessoas, pois elas é que tem sua devoção e realizam a festa. Apoiado na opinião do Sr. Bispo e na falta de provas de que o Orago da Paróquia seria São José com o título de "Operário", começou Padre Tadeu a consultar pessoas, associações, serviços paroquiais e chegou a conclusão de que a idéia de mudar a data da festa para o dia de São José era bem aceita. Então começou a construir um esquema de trabalho para estruturar o período da festa do presente ano (2011), começando a dez (10) de março e terminando no dia dezenove (19), dia universal de São José. Acredita que todos ganharam com a nova data, mesmo que mais próxima do início do ano, das férias, do Carnaval, etc.
Todos juntos poderemos festejar o Pai adotivo de Jesus Cristo no mês em que, há séculos, é reverenciado no nosso Sertão. o Padre Tadeu convida, pois a todos para arregaçar as mangas e trabalhar com afinco para termos uma grande festa. Vamos agir, vamos à luta! Organizemos as comissões para dar tudo certo. Não fuja do trabalho que lhe for pedido.
Tendo diante dos olhos o exemplo de santidade de São José, façamos tudo para a evangelização do mundo e a salvação das almas. A festa é ambiente de missão.

Autor mais do que Conhecido: Por Monsenhor Ausônio Tércio.

PASTORAL DA COMUNICAÇÃO

COMUNICAÇÃO!!!

A Pastoral da Comunicação deve estar em comunhão com as demais pastorais, visando a unidade de uma Paróquia. É por isso que nas últimas quartas-feiras de cada mês às 19 horas, a PASCOM se reúne sob a coordenação de Lucinete Araújo para repasse e avaliação dos trabalhos paroquiais. No dia 27 de fevereiro de 2011, haverá formação para seus membros das 08 horas às 11 horas e 30 minutos da manhã no Salão Paroquial "Luiz Medeiros". Espera-se a presença de todos. A Pastoral da Comunicação - PASCOM - é o elo de ligação entre as Pastorais, Associações e Movimentos com a administração paroquial, e, é importante que todos fiquem antenados para repassar todas as informações para a PASCOM para que a mesma possa trabalhar em sintonia com toda a estrutura paroquial.

Autor Conhecido: Equipe da Pastoral da Comunicação.

EQUIPE DE LITURGIA DA PARÓQUIA DE SÃO JOSÉ DE CAICÓ/RN

JHS - Jesus Hóstia Santa (Dois anjos contemplando Jesus na Hóstia Santa - Isso é um exemplo de LITURGIA)

A função da Equipe de Liturgia não se restringe à preparação da celebração dominical. Com o padre ela é responsável pela animação de toda a vida litúrgica da comunidade: a celebração da missa aos sábados, domingos e durante a semana, a celebração dominical da Palavra, a celebração dos outros sacramentos (batismo, crisma, penitência, casamento, unção dos enfermos, ordenação), distribuição da comunhão e outras celebrações com doentes, idosos, presos, celebraçoes da Palavra, bênçãos, vias-sacras, vigílias, procissões, preparação das celebrações especiais dos tempos fortes do ano litúrgico (Advento, Natal, Quaresma, Semana Santa, Tempo Pascal, festa de Maria, festa do padroeiro...), velórios, missas de sétimo e trigésimo dia, celebrações em ocasiões especiais, liturgia nos grupos e movimentos da paróquia, etc. Além disso, deverá ser responsável também pela formação litúrgica do povo e dos agentes de pastoral; poderá organizar cursos ou encontros, ou dias de estudo sobre a liturgia. Se for necessário, poderá preparar o material (FOLHETOS, APOSTILAS...).
O casal coordenador da Equipe de Liturgia Márcio André Pontes e Eloísa Pontes, realizou  neste domingo (06 de fevereiro de 2011), um curso com o tema: "Liturgia, o que é isso?" O curso foi no Salão Paroquial "Luiz Medeiros" das 08 horas às 10 horas da manhã. Todos ficaram muito felizes em esclarecer em parte o que é LITURGIA! Ficou a promessa de novos cursos no decorrer da nossa caminhada neste ano de 2011 e nos anos subsequentes. Portanto, fiquem atentos para saberem da realização desses cursos. Recomendo ficar de olho no BLOG da Paróquia de São José de Caicó/RN: http://paroquiadesjdecaico.blogspot.com
Ou ainda no nosso BLOG: http://perdaodedeus.blogspot.com
Caso você pertença a outra Paróquia, por favor, procure a Equipe de Liturgia de sua Paróquia e cobre uma atuação mais forte no sentido de esclarecer o POVO de Deus sobre esse tema tão importante e tão negligenciado nos dias de hoje: LITURGIA!?!

Autor Conhecido: Equipe de Liturgia da Paróquia de São José de Caicó/RN.
Autor Desconhecido: Denio Medeiros de Araújo.

CLÍNICA CORPORE FACE - SAÚDE E BELEZA EM HARMONIA: Rua Augusto Monteiro, 1256-6 - Centro - Caicó/RN - Telefone: 0xx(84) 3421-3080.

PRINCÍPIO GERAL DA PISICOLOGIA
Pensar não é nenhum crime, desde que seja feito com moderação!

Trabalho árduo, relacionamentos complicados, cobranças na família, expectativas não alcançadas, decepções, perdas... Esses e tantos outros são fatores presentes em nossas vidas, correntes em nosso pensamento, e por vezes causadores de ANGÚSTIA, SOFRIMENTO. Em vários momentos da vida, fica claro que precisamos de ajuda, ainda que nem sempre tenhamos coragem de admitir isso, negando a nós mesmos a ajuda necessária.
A psicanálise, enquanto método, pretende-se a, através de suas técnicas de análise, permitir que o paciente chegue, por ele mesmo e com ou sem o auxílio de Deus, aos meandros de sua mente, encontrando em seu inconsciente os elementos responsáveis pelos incômodos que limitam suas relações de trabalho, relações amorosas, familiares, etc.
O psicólogo, à luz da psicanálise, media o diálogo do paciente com ele mesmo, em sua busca pelo autoconhecimento e, ao mesmo tempo, resolução ou compreensão de suas questões mais profundas e, todavia, corriqueirass.
O atendimento psicológico é indicado para casos vivenciados no cotidiano das pessoas comuns, como: DEPRESSÃO, ANSIEDADE, FOBIAS, MEDO, MANIAS, VÍCIOS, ANGÚSTIAS, LUTO, E TAMBÉM SERVE PARA CURAR REMORSOS E RESSENTIMENTOS, e tantos outros problemas de ordem emocional.
Com uma ou mais sessões semanais (recomendo apenas uma por semana, pois o preço da carne de primeira está pela hora da morte, e é melhor viver se alimentando bem do que morrer de fome num consultório de psicanalista), o cliente tem a oportunidade de se permitir o autoconhecimento tão importante para o bem estar mental, físico e Espiritual.

Autor Conhecido: Dr. Francisco B. Santos (Psicólogo, abordagem Psicanalítica - CRP - 13/5860)

Antecipando o Evangelho do próximo DOMINDO DO SENHOR, dia 27 de fevereiro de 2011 - MISSA DO 8º DOMINGO COMUM (Mateus 6, 24-34)

PR: O Senhor esteja convosco!
AS: Ele está no meio de nós!
PR: Proclamação do Evangelho de + Jesus Cristo segundo Mateus.
AS: Glória a vós Senhor!
Palavra do Senhor! Glória a Vós Senhor! Que as Palavras do Evangelho perdõe os nossos pecados.

Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de odiar um e AMAR o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom.
Por isso vos digo: "Não andeis cuidadosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer ou pelo que haveis de beber; nem quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o mantimento, e o corpo mais do que o vestuário?
Olhai para as aves do céu, que nem semeiam, nem segam, nem ajuntam em celeiros; e vosso Pai celestial as alimenta. Não tendes vós muito mais valor do que elas?
E qual de vós poderá, com todos os seus cuidados, acrescentar um côvado à sua estatura?
E, quanto ao vestuário, por que andais solícitos? Olhai para os lírios do campo, como eles crescem; não trabalham nem fiam;
E eu vos digo que nem mesmo Salomão, em toda a sua glória, se vestiu como qualquer deles.
Pois, se Deus assim veste a erva do campo, que hoje existe, e amanhã é lançada ao forno, não vos vestirá muito mais a vós, homens de pouca fé?
Não andeis, pois, inquietos, dizendo: "Que comeremos, ou que beberemos, ou com que nos vestiremos?"
(Porque todas estas coisas os gentios procuram). De certo vosso Pai celestial bem sabe que necessitais de todas estas coisas.
Mas, buscai primeiro o Reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.
Não vos inquieteis, pois, pelo dia de amanhã, porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal.

AS: Glória a Vós, Senhor
PR: Que a Palavra do Senhor perdoe os nossos pecados.
AS: AMÉM!

CAMPANHA DA FRATERNIDADE: Critérios para a formação da CONSCIÊNCIA.

Espirito Santo VEM!

O nosso agir tem como fundamento a hierarquia de valores que temos. Não foi à toa que Jesus disse que, onde está o nosso tesouro, aí está o nosso coração (cf. Mt 6, 21).
Quando os valores que possuímos contribuem não apenas para a nossa satisfação pessoas, mas também para a nossa felicidade e a de todos os que convivem conosco, podemos dizer que são orientados para o bem. Caso falte essa orientação a nossa hierarquia de valores sempre leva a sofrimentos, dores e, muitas vezes, é causa de morte.
Assim, temos pessoas que fazem do prazer o centro de sua vida e, para consegui-lo, instrumentalizam pessoas, usam entorpecentes e bebidas alcoólicas. A luta pela conquista do prazer justifica a PROSTITUIÇÃO, o TRÁFICO DE DROGAS, de ARMAS e de PESSOAS; financia a CRIMINALIDADE, a VIOLÊNCIA e muitos outros males.
Outros querem ter cada vez mais. Não lhe interessa se estão prejudicando o próximo para conseguir o que querem, se estão ESGOTANDO OS RECURSOS NATURAIS DO PLANETA, se estão EXIGINDO GRANDE PRODUÇÃO DE ENERGIA e PROCESSOS IDUSTRIAIS EXTREMAMENTE POLUENTES, se o TRANSPORTE DOS PRODUTOS TRAZ PROBLEMAS e se a GRANDE QUANTIDADE DE LIXO QUE PRODUZEM prejudica a sociedade.
Quando a consciência é formada segundo os valores do Reino de Deus, que Jesus pregou no Evangelho, o caminho é diferente. O valor mais importante é Deus e nele está o nosso coração. Com base nisso, vivemos os dois eixos fundamentais da moral cristã: o amor a Deus e o amor ao próximo. O resultado do nosso agir só pode ser a FELICIDADE VERDADEIRA nossa e de todas as pessoas, pois o AMOR verdadeiro só pode buscar o bem de todos. Também a natureza é preservada e valorizada como obra do Criador para o nosso bem e condição essencial para a FELICIDADE DE TODOS.

Autor Conhecido: Padre José Adalberto Vanzella (Secretário-executivo do R. Nordeste 5)

ALGO A MAIS PELA PAZ

Jesus contemplando o SOL e ORANDO pela humanidade inteira.

A lei do "olho por olho, dente por dente" continua firme, pondo-se acima de leis como a da COMPAIXÃO, do PERDÃO e do AMOR.
O que nos distingue na sociedade, se simplesmente devolvemos ao agressor com agressividade? Ou se simplesmente revidamos a ofensa? Ou se, com nossa ação, nos aprisionamos na mentalidade segundo a qual é preciso receber antes para dar depois? O que fazemos de mais?
O Mestre, que amou sem impor condições, ensinou-nos que acolher o PECADOR é diferente de aceitar o PECADO dele. Daí o desafio de ATACAR O PECADO e ACOLHER O PECADOR. Ou seja, desarmar o agressor com uma atitude de resistência pacífica, que quebre o círculo vicioso da agressão, da violência e do mal.
É que, enfim, todos somos filhos de um mesmo Pai: o Deus que é bondoso para com todos. Todos certamente já experimentamos  o que significa ser ofendido e, mesmo sem querer, podemos ofender. O que o Mestre nos pede é muito simples. Mas, porque somos imperfeitos, acaba sendo bastante difícil AMAR os inimigos, rezar por eles. Seria o mesmo que dizer que devemos deixar de ter inimigos; de eleger pessoas em quem projetar nossos ódios, dissabores e frustações.
A perfeição de Deus é sua integridade. Deus é completo, por isso não faz injustiça. Sua justiça é sue AMOR para com bons e maus. A integridade a que Deus nos chama é ter um coração completo para AMAR A TODOS, não um coração que divide as pessoas em boas e más e AMA PELA METADE.
A graça de Deus, o presente que Ele nos dá sem merecermos, só vem acrescentar à gratuidade que aqui tivemos vivido. É fundamentelamente, então, nos questionarmos: "O que estamos fazendo de mais?"
Deus não nos trata segundo nossas falhas, mas segundo sua própria bondade. Por isso mesmo, enquanto rezamos por nossos inimigos e nos esforçamos para compreendê-los como irmãos, continuamos a descobrir a bondade que certamente se encontra dentro de nós mesmos.

Autor Conhecido: Padre Paulo Bazaglia, ssp.

EVANGELHO do dia 20 de fevereiro de 2011 - Missa do 7º DOMINGO COMUM (Mateus 5, 38-48)

PD: O Senhor Esteja convosco!
AS: Ele está no meio de nós!
PD: Proclamação do Evangelho de + Jesus Cristo segundo Mateus.
AS: Glória a Vós, Senhor!
Palavra da Salvação - Glória a Vós Senhor. Que as Palavras do Evangelho perdoe os nossos pecados. AMÉM!

Naquele tempo disse Jesus a seus discípulos: "Vós ouvistes o que foi dito: 'Olho por olho e dente por dente!' Eu, porém vos digo: não enfrenteis quem é malvado! Pelo contrário, se alguém te dá um tapa na face direita, oferece-lhe também a esquerda! Se alguém quiser abrir um processo para tomar a tua túnica, dá-lhe também o manto! Se alguém te forçar a andar um quilômetro, caminha dois com ele! Dá a quem te pedir e não vires as costas a quem te pede emprestado. Vós ouvistes o que foi dito: 'Amarás o teu próximo e odiarás o teu inimigo!' Eu, porém, vos digo: amai os vossos inimigos e rezai por aqueles que vos perseguem! Assim, vos tornareis filhos do vosso Pai que está nos céus, porque ele faz nascer o sol sobre maus e bons e faz cair a chuva sobre justos e injustos. Porque, se amais somente aqueles que vos amam, que recompensa tereis? Os cobradores de impostos não fazem a mesma coisa? E, se saudais somente os vossos irmãos, o que fazeis de extraordinário? Os pagãos não fazem a mesma coisa? Portanto, sede perfeitos como o vosso Pai Celeste é perfeito". - Palavra da Salvação.

AS: Glória a Vós, Senhor!
PD: Que as Pavavras do Evangelho Perdõe os nossos pecados!
AS: AMÉM!

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

RÁPIDAS...

Diácono José Mário na sua Festa de Formatura em Teologia.

O Seminarista José Mário, foi ordenado Diácono, pela imposição das mãos de D. Manoel Delson, bispo Diocesano de Caicó, na Igreja Matriz de São Sebastião em Florânia, no dia 21 de janeiro próximo passado, cidade onde o Diácono José Mário realiza o seu estágio. a Paróquia de São José esteve presente e se alegrou com a ordenação diaconal de seu filho. Rezemos pela sua missão e perseverança.
Nosso Bispo Dom Delson tirando uma foto com a galera da Paróquia de São José logo após a Celebração da Ordenação Diaconal do nosso futuro Padre José Mário.

José Mário já ordenado e com as vestes de Diácono.
O nosso Pároco da Paróquia de São José de Caicó/RN, Padre Tadeu, e o nosso querido Monsenhor Tércio, além da Comunidade da Paróquia de São José estivemos presentes à Ordenação Diaconal de José Mário.

Autor Desconhecido.

FIQUE SABENDO: O Como servir a Deus

Maria, Mãe de Jesus Cristo, um EXEMPLO DE SERVIDORA.

Como servir a Deus? Será que sabemos fazer isso corretamente? De que forma podemos serví-lo? Simplesmente louvando-O, participando de culto, missas e pregando a Sua Palavra? Notadamente que somente esses procedimentos são exigidos aos fiéis por muitas pessoas. Será, então, o suficiente? Acreditamos que não porque deste modo somos levados a cumprir equivocadamente esta tarefa que é o servir a Deus. Atuamos de uma maneira como se o Pai Divino se satisfizesse apenas com devoção, religiosidade. E somos levados também a desconhecer estarmos num novo tempo: tempo da Graça e da nova Aliança.
Jesus Cristo, quando esteve entre nós, já afirmava: "Não vim para ser servido, senão para servir". Na verdade, Deus jamais precisou nem precisa de ajuda. Pelo contrário: somos nós que estamos a precisar da Dele. Aliás, tudo que fazemos, o fazemos ajudados por Deus. O servir a Deus significa obedecê-Lo.
Servir a Deus é fazer a sua obra. E essa obra não devemos esquecer que é o AMOR.
Concluo afirmando que para nós cristãos é necessário entendermos que o servir com amor ao nosso semelhante é a maneira mais sublime de servirmos a Deus, de tornarmo-nos servos de Deus.

Autor Conhecido: Por Everton Cerqueira.

DIZIMO: Opção de Fé


A Pastoral do Dízimo, que foi implantada há 15 anos na nossa paróquia de São José - Caicó/RN, continua seu projeto de FÉ. Não estamos acabando o trabalho que já foi feito, estamos apenas incorporando uma nova metodologia de devolução, não viemos criar rupturaas, mas conscientização de que a Igreja é formada por cada um de nós. Cada um precisa ser UNIDADE para formarmos COMUNIDADE.
O que devemos compreender para ser DIZIMISTA:
1. Por que a metodologia do envelope?
O envelope é o documento oficial do dizimista. O dízimo no envelope é mais fácil do dizimista colocar no altar do Senhor. Ninguém precisa ver a quantia que cada um devolve a Deus, é apenas uma devolução de filho para Pai.
2. Quem deve ser dizimista?
Todos devem ser dizimistas, inclusive as crianças, ou seja, toda a família. Cada um deve ter um envelope em seu nome.
3. Por que devolver o dízimo?
O dízimo é sinal de FÉ, por isso precisamos devolver mensalmente o nosso agradecimento, pois, se temos, é porque Deus permitiu. Por isto devemos devolver todas essas recompensas.
4. Quanto devo devolver?
A Igreja Católica não estipula valor de sua devolução, pois devemos devolver o que o nosso coração manda, sem que haja constrangimento. Não adianta devolver 10% (como afirma o Antigo Testamento) do nosso rendimento se não fazemos com AMOR. Precisamos nos adequar à nossa realidade. "Dê cada um conforme o impulso do seu coração, sem tristeza nem constrangimento. Deus ama o que dá com alegria." (2 Cor 9, 7).
5. Se não tenho rendimentos, como vou devolver o dízimo?
Vou colocar em meu envelope parte do dízimo de alguém da família. Não precisa aumentar o lavor da devolução, mas repartir este valor entre os membros da família.

Faça sua reflexão e torne-se também um dizimista.

Autores Conhecidos: Almir Batista e Amarília Cristine (Coordenação - Pastoral do Dízimo)

CAMPANHA DA FRATERNIDADE: FORMAÇÃO DA CONSCIÊNCIA.

A CONSCIÊNCIA VINDA DO ESPÍRITO SANTO É UMA CONSCIÊNCIA SANTA. PORTANTO, REZEMOS TODOS OS DIAS PARA QUE O ESPÍRITO SANTO FAÇA MORADA NA NOSSA CONSCIÊNCIA E EM NOSSO CORAÇÃO.

Todos nós somos responsáveis pela formação da nossa consciência, e não assumir essa responsabilidade significa  GRAVE OMISSÃO. De fato, a consciência errônea pode tanto nos impedir de trilhar o caminho de superação  dos nossos pecados, pela supervalorização da culpa e desvalorização do PERDÃO, como nos levar ao não reconhecimento do PECADO como TAL.
Isso porque a CONSCIÊNCIA NÃO RETAMENTE FORMADA pode nos levar à ignorância sobre nosso agir MORAL. Essa ignorância pode ser vencida se temos condições, caminhos e meios  para poder formar a nossa consciência. Como nem sempre as pessoas podem ter condições, caminhos e meios para tal e como também somos influenciados por diversos elementos - por exemplo, os MEIOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL, os VALORES CULTURAIS, ETC -, muitas vezes não podemos vencer a nossa ignorância. Mas, se temos condições, caminhos e meios para formar a nossa consciência e não a formamos, somos responsáveis pela nossa ignorância - e isso é FALTA GRAVE, pois não sabemos aquilo que temos obrigação de saber.
Uma das consequências disso é a assim chamada CONSCIÊNCIA LAXA - aquela que se torna por demais permissiva e não vê como mal aquilo que é mal. Assim, em nossa sociedade consumista e hedonista, não é tida como mal a irresponsabilidade diante das questões de meio ambiente , por exemplo. A pessoa pode comprar tudo o que tem vontade, afinal está pagando, mas não vê que está ESGOTANDO A NATUREZA, POLUINDO, por meio da produção industrial e do transporte, CONSUMINDO ENERGIA e PRODUZINDO LIXO acima das necessidades. Nesse caso, o DINHEIRO JUSTIFICA o MAL.
Outra consequência é assim chamada CONSCIÊNCIA ESCRUPULOSA, que vê PECADO EM TUDO e torna a pessoa incapaz de viver de forma LIVRE e POSITIVA e de SUPERAR SUAS FRAQUEZAS E DIFICULDADES.
Formar uma CONSCIÊNCIA SADIA: eis o DESAFIO!

Autor Conhecido: Padre José Adalberto Vanzella (Secretário-executivo doo R. Nordeste 5)

SUPERAR A LETRA DA LEI

Justiça pintada por Marília Chartune

O Evangelho deste 6º DOMINGO COMUM apresenta a posição de Jesus diante da Lei (ou Torá). Após algumas considerações gerais, expõe seu ponto de vista sobre o homicídio , a adultério, o divórcio e o juramento. Apresenta o que era a Lei em si e sua nova visão. Com a fórmula "foi dito, mas eu vos digo", revela sua autoridade superior à de Moisés na interpretação da Lei e também mostra a necessidade de ir além da letra, descobrir o Espírito da Lei. Assim, Jesus representa a continuidade e a ruptura em relação à Torá.
Uma religião pura e simplesmente formalista e legalista se preocupa apenas com a boa ou a má conduta externa e não tem nenhum MÉRITO diante de Deus. Quem cumpre apenas a letra da Lei não tem nenhum MÉRITO, faz apenas o que está determinado. Pode ser muito fácil tão somente seguir uma norma e não se comprometer com algo a mais por AMOR. Sempre devemos descobrir uma maneira para realizar o bem subentendido na Lei.
Numa sociedade do descartável como a nossa, em que tudo muda com facilidade, é preciso muito discernimento para não jogar no lixo as pérolas preciosas. Há o perigo de não ver nenhum valor no antigo e sentir cheiro de mofo em tudo o que é herdado do passado. Jesus preserva o que é válido e lhe dá novo sentido, mas descarta o que já não tem nenhuma validade para a defesa da vida. . A Lei tem a função de defender a vida , principalmente dos mais necessitados. Com sua interpretação, Jesus mostra que nem tudo o que foi escrito está automaticamente superado, mas merece ser revisto para que se mostre o valor por trás da Letra.
Ir além da simples letra da lei significa não ficar no mínimo proposto. O cristão que ama verdadeiramente não se limita ao mínimo indispensável. As Palavras de Jesus convidam o cristão a algo a mais, a dar um passo adiante na FRATERNIDADE, no AMOR, no RESPEITO e na SINCERIDADE.

Autor Conhecido: Padre Nilo Luza, ssp.

EVANGELHO do dia 13 de fevereiro de 2011 - Missa do 6º DOMINGO COMUM (Mateus 5, 17-37 ou 20-22a. 27-28. 33-34a. 37)

PR: O Senhor esteja convosco!
AS: Ele está no meio de nós!
PR: Proclamação do Evangelho de + Jesus Cristo segundo Mateus.
AS: Gloria a Vós, Senhor!

Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos: "Não penseis que vim abolir a lei e os profetas. Não vim para abolir, mas para dar-lhe pleno cumprimento. Em verdade, eu vos digo: antes que o céu e a terra deixem de existir, nem uma só letra ou vírgula serão tiradas da lei sem que tudo se cumpra. Portanto, quem desobedecer a um só desses mandamentos, por menor que seja, e ensinar os outros a fazerem o mesmo será considerado o menor no Reino dos Céus. Porém, quem os praticar e ensinar será considerado grande no Reino dos Céus.
Porque eu vos digo: se a vossa justiça não for maior que a justiça dos mestres da lei e dos fariseus, vós não entrareis no Reino dos Céus. Vós ouvistes o que foi dito aos antigos: 'Não matarás! Quem matar será condenado pelo tribunal'. Eu, porém, vos digo: todo aquele que se encoleriza com seu irmão será réu em juízo; quem disser ao seu irmão 'patife!' será condenado pelo tribunal; quem chamar o irmão de tolo será condenado ao fogo do inferno.
Portanto, quando tu estiveres levando a tua oferta para o altar e aí te lembrares que teu irmão tem alguma coisa contra ti, deixa a tua oferta aí diante do altar e vai primeiro reconciliar-te com o teu irmão. Só então vai apresentar a tua oferta. Procura reconciliar-te com teu adversário, enquanto caminha contigo para o tribunal. Senão o adversário te entregará ao juiz, o juiz te entregará ao oficial de justiça , e tú serás jogado na prisão. Em verdade eu te digo: daí não sairás , enquanto não pagares o último centavo.
Ouviste o que foi dito: 'Não cometerás adultério'. Eu, porém, vos digo: todo aquele que olhar para uma mulher com desejo de possui-la já cometeu adultério com ela no seu coração.
Se o teu olho direito é para ti ocasião de pecado, arranca-o e joga-o para çonge de ti! De fato, é melhor perder um de teus membros do que todo o teu corpo ser jogado no inferno. Se a tua mão direita é para tí ocasião de pecado, corta-a e joga-a para longe de ti! De fato, é melhor perder um dos teus membros do que todo o teu corpo ir para o inferno. Foi dito também: 'Quem se divorciar de sua mulher dê-lhe uma certidão de divórcio'. Eu, porém, vos digo: todo aquele que se divorcia de sua mulher, a não ser por motivo de união irregular, faz com que ela se torne adúltera; e quem se casa com a mulher divorciada comete adultério.
Vós ouvistes também o que foi dito aos antigos: 'Não jurarás falso', mas 'cumprirás os teus juramentos feitos ao Senhor'. Eu, porém, vos digo, não jureis de modo algum: nem pelo céu, porque é o trono de Deus; nem pela terra, porque é o suporte onde apoia os seus pés; nem por Jerusalém, porque é a cidade do grande rei. Não jures tampouco pela tua cabeça, porque tu não podes tornar branco ou preto um só fio de cabelo. Seja o vosso 'SIM' 'SIM', e o vosso 'NÃO' 'NÃO'. Tudo o que for além disso vem do maligno". - Palavra da Salvação.
AS: Gloria a Vós, Senhor!
PR: Que a Palavra do Santo Evangelho Perdoe os nossos pecados!

domingo, 20 de fevereiro de 2011

COMO REZAR O TERÇO DA DIVINA PROVIDÊNCIA


Pelo Sinal da Santa Cruz, Livra-nos Deus nosso Senhor, dos nossos inimigos!
Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. AMÉM! 
1 PAI NOSSO
1 AVE MARIA
1 CREDO
1º MISTÉRIO
Conta Grande: Mãe da Divina Providência. Providenciai...
Contas pequenas: 10 X Deus Provê, Deus Proverá. Sua Misericórdia não Faltará!
2º MISTÉRIO
Conta Grande: Mãe da Divina Providência. Providenciai...
Contas pequenas: 10 X Deus Provê, Deus Proverá. Sua Misericórdia não Faltará!
3º MISTÉRIO
Conta Grande: Mãe da Divina Providência. Providenciai...
Contas pequenas: 10 X Deus Provê, Deus Proverá. Sua Misericórdia não Faltará!
4º MISTÉRIO
Conta Grande: Mãe da Divina Providência. Providenciai...
Contas pequenas: 10 X Deus Provê, Deus Proverá. Sua Misericórdia não Faltará!
5º MISTÉRIO
Conta Grande: Mãe da Divina Providência. Providenciai...
Contas pequenas: 10 X Deus Provê, Deus Proverá. Sua Misericórdia não Faltará!
ORAÇÃO FINAL:
Vinde, Maria, chegou o momento. Valei-nos agora e em todo o tormento. Mãe da Providência, prestai-nos auxílio no sofrimento da terra e no exílio. Mostrai que sois Mãe de Amor e de Bondade, agora que é grande a necessidade. AMÉM!

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. AMÉM!

Não nos esqueçamos de contemplar os Mistérios da Vida de Jesus na Oração do Terço ou do Rosário. O Rosário é formado de 4 (quatro) Mistérios: Gozosos, Dolorosos, Gloriosos, e Luminosos. Cada Mistério do Rosário é subdividido em outros 5 (cinco) Mistérios que juntos formam o Terço. Para melhor rezá-lo recomendo a compra de um LIVRO que oriente a oração do Terço contemplando os Mistérios da Vida de Jesus, pois se rezarmos o Terço, seja ele qual for, sem contemplarmos os Mistérios da Vida de Jesus, nós estaremos tirando Jesus do Centro e colocando-O na margem. O que para um cristão de verdade é um PECADO muito grave.

ORAÇÃO DE SÃO FRANCISCO.

Tau de São Francisco decorado com o Ícone do Espírito Santo e com a Frase: PAZ e BEM.

Senhor fazei-me instrumento de vossa paz.
Onde houver ódio, que eu leve o AMOR.
Onde houver ofensa, que eu leve o PERDÃO.
Onde houver discordia, que eu leve a UNIÃO.
Onde houver dúvida, que eu leve a FÉ.
Onde houver erro, que eu leve a VERDADE.
Onde houver desespero, que eu leve a ESPERANÇA.
Onde houver tristeza, que eu leve a ALEGRIA.
Onde houver trevas, que eu leve a LUZ.

Ó Mestre, fazei que eu procure mais
CONSOLAR que ser consolado;
COMPREENDER que ser compreendido,
AMAR, que ser amado.
Pois é DANDO que se recebe.
É PERDOANDO que se é perdoado.
E é MORRENDO que se nasce (se vive) para a VIDA ETERNA.
AMÉM!

A DIFERENÇA ENTRE O AMOR AGAPE E O AMOR EROS (1 Cor 13)

Quando eu era menino falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino.
Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse AMOR, seria como o metal que soa ou como o sino que tine.
E ainda que tivesse o DOM de professia, e conhecesse todos os místérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a FÉ, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse AMOR, nada seria.
E ainda que distribuísse toda a minha fortuna para sustento DOS POBRES, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria.
O AMOR é sofredor, é benigno; o AMOR não é invejoso; o AMOR não trata com leviandade, não se ensoberbece.
Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal;
Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade;
Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
O AMOR nunca falha; mas havendo professias, serão aniquiladas; havendo línguas cessarão; havendo ciência, desaparecerá.
Porque, em parte, conhecemos, e em parte profetizamos;
Mas, quando vier o QUE É PERFEITO, então o que o é em parte será aniquilado.
Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino.
Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido.
Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o AMOR, estes três, mas o maior destes É o AMOR.

(1 Coríntios 13)

Reflexão de Denio Medeiros de Araújo: O homem trata o amor como doença porque se afasta de Deus  mais e mais a cada dia que passa. Deus é o nosso primeiro AMOR. Portanto, voltando o nosso OLHAR SINCERO para o nosso primeiro amor reaprenderemos a AMAR INCONDICIONALMENTE O IRMÃO e a IRMÃ que nos rodeia.

UMA SÍNTESE DE TUDO QUE FOI ESCRITO ATÉ AGORA: A CURA INDESEJÁVEL!

A TRISTEZA e a DEPRESSÃO vêm quando o CORAÇÃO CHORA!

"Que não seja imortal, posto que é chama,
Mas que seja infinito enquanto dure"
(Vinícios de Morais)
 

Penso que São Paulo se equivocou ao dizer que o amor tudo crê, tudo espera e tudo suporta (É claro que São Paulo falava do amor AGAPE: AMOR de Deus). Não é bem assim (É claro que o autor está falando do amor ÉDIPO: amor dos homens). Afinal, o amor, como alertava Drummond, é bicho instruído. Portanto, ele pode pular o muro, subir na árvore em tempo de se estrepar: "Pronto, o amor se estrepou. Daqui estou vendo o sangue que escorreu do corpo andrógeno. Essa ferida, meu bem, às vezes não sara nunca / às vezes sara amanhã".
E o danado é que às vezes sara mesmo. Mas, e o amor é doença para sarar? Claro que é. Se não fosse, Camões não teria dito: "Amor é fogo que arde sem se ver, É ferida que dói, e não se sente".
Padre Antônio Vieira (duvido que alguém escreva melhor do que ele) também considerava o amor uma doença - que deveria ser incurável, mas, infelizmente, tem cura. E quais são os remédios do amor, segundo Padre Vieira? São apenas quatro, mas com um poder de curar extremamente potente...
O amor Édipo, amor dos homem, "É fogo que arde sem se ver, É ferida que dói, e não se sente". (Autor do texto: Camões)

O primeiro remédio é o TEMPO. Por isso que o Culpido, deus do amor, é pintado como criança, pois "não há amor tão robusto que chegue a ser velho". O passar das horas faz com que as flechas do Culpido percam a potência; que o amor que é cego passe a enxergar; que suas asas cresçam e ele voe para bem longe... o tempo gasta o ferro com o uso, diz Vieira, que dirá o amor! "O tempo tira a novidade das coisas, descobre-lhes os defeitos, enfastia-lhes o gosto...".
O segundo remédio, para curar o amor, é a AUSÊNCIA. Ora, se com a proximidade as flexas de Cupido correm o risco de não nos atingirem, que dirá com a distância... "A ausência tem os efeitos da morte: aparta, e depois esfria... tudo esquecido, tudo frieza". E o fogo que arde sem se ver, com a distância, vira um deserto polar.
O terceiro remédio é ainda muito mais poderoso do que os dois anteriores. O seu poder de ação é quase instantâneo: a INGRATIDÃO é mortal para o amor. "Se o tempo tira do amor a novidade, a ausência tira-lhe a comunicação, a ingratidão tira-lhe o motivo". E o danado é que só os amigos são ingratos. Era por isso que Nelson Rodrigues dizia que "só os inimigos são fiéis", já que estes nunca serão ingratos e nem nos trairão. Não foi a toa que Cristo se queixava de que semeando grandes benefícios nos corações dos homens, se colhia maiores ingratidões...
Por fim, se o amor foi capaz de resistir até aqui - embora, duvido que exista amor que consiga vencer: o tempo, a ausência e a ingratidão -, chegou a vez do mais eficaz de todos os remédios, o que até hoje, ninguém deixou de sarar: O MELHORAR DE OBJETO, que nada mais é do que conseguir um outro amor. "Dizem que um amor cou um outro se paga", alerta Vieira, "mas o certo é que um amor com um outro se apaga"... as estrelas conseguem brilhar nas trevas, no entanto, numa luz ainda maior que é o sol, elas desaparecem, deixam de brilhar...
Meu coração está trincado e transpassado por uma flecha que não é a do CULPIDO.

Infelismente, o mundo está se curando do amor. Hoje, os relacionamentos são pelos CELUCARES e INTERNET, ou seja, ausentes e distantes. E com o passar do tempo serão tão frios que as terminações nervosas, que os unem, ficarão anestesiadas, e "o amor que não é intenso", adverte Vieira, "não é amor"... Triste humanidade que não consegue debelar um vírus de uma gripe suína, mas que é extremamente "competente" para destruir o vírus do amor...

Autor Conhecido: Francisco Edilson Leite Pinto Júnior (Professor, Médico e Escritor)

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

MENSAGEM AOS LEITORES DO BLOG!!!

Espírito Santo de Deus entra em meu coração para que eu escreva segundo o Vossa Inspiração.

Após a leitura minuciosa do Prefácil e da Introdução do Livro "A CURA DOS OITO ESTÁGIOS DA VIDA"  de Matthew Linn, Sheila Fabricant Linn, e Dennis Linn, eu irei encerrar a minha participação neste BLOG com algumas reflexões sobre a minha experiência com a ORAÇÃO DE CURA E LIBERTAÇÃO, além de publicar textos de minha autoria e de diversos outros autores sobre o assunto, sempre citando a fonte para resguardar o Direito Autoral do Texto. Não irei postar mais nada de minha autoria após essas últimas publicações que pretendo fazer, pois com isso viso resguardar minhas obras literárias que, com certeza, tiveram a mão de Deus no seu processo de criação. Pretendo lançar um livro, um dia quem sabe? E esse livro contará histórias sobre minha vida e sobre a minha Experiência Íntima com Deus. Se esse livro vai ser publicado vai depender do Lucro que a Editora vislumbrar nele. Contudo, eu pretendo ser um homem de um livro só. Não pretendo angariar USURAS de dinheiro. E parte do que eu possivelmente adquirir com a possível venda dos exemplares do meu Livro será revertido para o Abrigo Dispensário Professor Pedro Gurgel, onde repousa minha Devoção por Nossa Senhora das Graças. Após estas minhas últimas intervenções no BLOG - perdaodedeus.blogspot.com - estarei livre para fazer o que eu quiser com o BLOG, inclusive encerrá-lo definitivamente, mas eu não quero isso. Espero transfigurá-lo de BLOG do Anjo de Deus ou de Denio Medeiros de Araújo, como queiram, para o BLOG do Grupo do Terço dos Homens da Matriz de São José. Desejo que quando isso vier a acontecer  o BLOG não deixe de ser visitado nunca, pois o Movimento do Terço dos Homens merece nosso total respeito e consideração. Após a transfiguração mudará tudo, inclusive o papel de parede. Aquele com Jesus abençoando Maria Madalena. Pois é, esse Papel de Parede será trocado por outro com a imagem de Nossa Senhora Maria Mãe de Jesus com o Terço na Mão. Mas não se preocupem, as postagens antigas não serão perdidas, elas sempre estarão lá para quem quiser visualizar o caminho mais rápido para a CURA DOS RESSENTIENTOS e das MÁGOAS PROFUNDAS. Nessa nova fase do BLOG serão postadas FOTOS dos eventos do Terço dos Homens da Matriz de São José e porque não do Movimento do Terço dos Homens da Paróquia de São José. Não se incomodem, pois eu sempre estarei comentando as FOTOS. Com isso, vocês não se verão livres de mim facilmente. Tchau! SHALOM para todos vocês. E Bençãos sinceras desse irmão LEIGO que de LEIGO não tem nada. Da mesma forma que Tomé precisou tocar nas chagas de Cristo para ver e saber se era Cristo mesmo, eu nunca precisei decorar a Bíblia para ter certeza de que tudo que está escrito lá é VERDADE. Mas isso não descarta um dia eu fazer um curso Bíblico ou uma TEOLOGIA. Como LEIGO e mantenedor deste BLOG, eu tenho a obrigação de conhecer melhor as coisas de Deus que tanto me inspira.

Autor Desconhecido: Denio Medeiros de Araújo.

PREFÁCIL DO LIVRO "CURA DOS OITO ESTÁGIOS DA VIDA"

Capa do Livro: "CURA DOS OITO ESTÁGIOS DA VIDA".

Às vezes, em algum supermercado, escuto uma mãe ralhando em voz alta com a criança que quer guloseimas. Muitas vezes penso comigo mesma: "Espero que essa criança não cresça parecida com você!" Certa ocasião, quando presenciava uma cena assim, apareceu a avó e começou a ralhar com a mãe no mesmo volume e tom de voz com que a mãe repreendia a criança.
Nós somos a imagem e a semelhança de nós mesmos, quando na verdade nós deveriamos ser a imagem e semelhança de Deus.
Frequentemente surpreendemo-nos repetindo o mesmo comportamento usado por nossos pais e avós. Não somente hábitos pouco amáveis como ralhar em voz alta, vão sendo reproduzidos, mas também outros comportamentos mais seriamente destrutivos, como o ABUSO SEXUAL. Por exemplo, o Departamento Correcional de Connecticut constatou que 81% dos agressores sexuais violentos haviam sofrido abusos sexuais quando crianças , muitas vezes no seio da própria família.
Há quatro anos oramos com Linda, que havia sofrido abuso sexual em sua infância por parte de um parente, vindo mais tarde ela também a abusar de crianças pequenas. Após haver perdoado ao seu parente e mergulhado no AMOR de Jesus toda a dor que experimentara quando criança, não mais passou pela tentação de abusar de crianças.
Este livro (que também pode servir como curso) traz a público aquilo que aprendemos com Linda e com outras pessoas a respeito da oração de cura, e com o psicólogo Erik Erikson a respeito do desenvolviimento humano. Valemo-nos do trabalho de Erik Erikson porque ele, assim como nós, acredita que "são poucas as coisas que não podem ser remediadas mais tarde, mas muitas são as que se podem prevenir, impedindo que venham a acontecer".

Reflexão de Denio Medeiros de Araújo: Nós somos comparáveis a uma gigantesca máquina de XÉROX, mas temos que ter cuidado para não reproduzirmos a nossa própria imagem no espelho. Sempre temos que tentar nos aproximar do SER uma cópia fiel de Nosso Senhor Jesus Cristo.

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

INTRODUÇÃO: SE EU PUDESSE VIVER MINHA VIDA DE NOVO!

Se eu pudesse viver a minha vida de novo, procuraria cometer mais erros da próxima vez. Ficaria mais descontraída... Seria mais ingênua do que tenho sido. Com certeza iria levar a sério pouquíssimas coisas... Não me preocuparia tanto com a higiene. Procuraria assumir mais riscos. Subiria mais montanhas, nadaria mais rios e contemplaria mais pores-do-sol. Tomaria mais sorvete e comeria menos feijão. Arranjaria mais problemas reais e menos problemas imaginários.
Como dá para perceber, sou uma dessas pessoas que vivem séria e sadiamente hora após hora, dia após dia. Ah, sim! Tive meus bons momentos e, se tivesse que começar tudo de novo, teria outros ainda. Alíás, não teria nada além disto: apenas momentos, um após o outro, ao invés de ficar vivendo anos à frente de cada dia. Fui uma dessas pessoas que nunca vão a parte alguma sem levar termômetro, bolsa de água quente, escova de dente, capa de chuva e pára-quedas. Se tivesse que começar de novo, viajaria com menos bagagem... Começaria mais cedo a andar descalça na primavera e prolongaria isso pelas tardes de outono. Andaria mais de carrossel. Colheria mais margaridas.*

* A autoria deste texto é duvidosa. Na América Latina ele é atribuído ao autor argentino, Jorge Luis Borges, e na América do Norte a uma senhora de 85 anos de idade da região montanhosa de Kentucky.

A LUZ de Jesus iluminando a humanidade e toda a criação de Deus.
Quando nós três vamos juntos a um supermercado, Matt e eu vamos direto para o bacon, e Sheila faz seu estoque de frango... sem esquecer os miúdos. Mas o momento crítico é quando chegamos ao caixa e, na hora de pagar, o dinheiro não dá. Para Matt e para mim, criados num lar de origem irlandeza católica, o bacon era um petisco especial, reservado para as manhãs de domingo. Para Sheila, crescida num lar judeu, bacon era alimento proibido, sequer permitido dentro de casa. Sheila era extremamente ligada à sua avó, uma especialista em preparar miúdos de frango, ao passo que as únicas lembranças que Matt e eu temos dos miúdos de frango são as de quando nossos pais nos pediam para tirar a mesa após os muitos jantares à base de frango.
Bono Vox, vocalista da banda de Rock irlandesa U2, recebendo do Papa João Paulo II um terço. No último show que o U2 realizou no Brasil na Turnê VERTIGO, Bono Vox colocou o terço pendurado no microfone e se retirou do palco após o encerramento do show. Esse sinal significava a UNIÃO, TOLERÂNCIA, RESPEITO e AMOR entre os povos e Religiões, tendo em vista que na Irlanda existe um grande problema de INTOLERÂNCIA RELIGIOSA entre Católicos e Protestantes.

Carregamos conosco não só preferências e aversões com respeito ao hábito alimentar de nossos pais e avós, mas também muitos outros comportamentos. Por exemplo, dizem as estatísticas que duas de cada três crianças com pais alcoólicos ou se casam com um parceiro alcoólico ou se tornam, elas mesmas, alcoólicas. Se uma criança tem ambos os pais alcoólicos, é proxima de 100% a probabilidade de que esta criança venha a repetir os padrões de seus pais. Quer seja o alcoolismo, quer seja qualquer outro padrão instalado no seio da família, provavelmente poderemos constatar com mais facilidade a repetição desses padrões ao observarmos a escolha do conjuge e as escolhas que se sucederão no casamento. No mês passado, uma de minhas amigas veio me dizer que sua filha estava para se casar. Quando lhe perguntei como é que era o noivo, ela respondeu: "Minha filha vai se casar com alguém que é o jeitinho do pai dela, bem parecido com o homem com quem me casei." O fato de costumarmos repetir as escolhas de nossos pais, não só na escolha do companheiro de vida conjulgal mas em muitas outras escolhas dentro da vida de casados, levou o psicólogo Hugh Missildine a sugerir que em todo casamento há seis pessoas: o casal e os dois casais de pais.
Nós somos a imagem e semelhança de Deus, mas sofremos grande influência da imagem de nossos pais biológico. Não podemos misturar o temporal com o espiritual senão cairemos num precipício gerado pela falta de intimidade com Deus, que por sua vez é originado da superposição da imagem de nossos pais sobre a imagem de Deus, nosso verdadeiro Pai. Com isso, se soubermos separar a imagem que nós temos de nossos pais da imagem que nós temos de Deus, nós não teremos uma visão deturpada de Deus e com certeza iremos fazer escolhas mais acertadas em nossas vidas. Baseando nosso discernimento não no que disseram ou fizeram nossos pais biológicos, mas no que fala e faz o nosso bom e agradabilíssimo Deus.

Bill, um bem-sucedido conselheiro matrimonial, falava-nos sobre como costuma focalizar as seis pessoas em cada casal. Quando dá aconselhamento, ele deixa que quem quiser comece a relacionar todas as queixas que tem contra seu cônjuge. Assim, pode ser que a esposa comece queixando-se de que o marido fica lendo o jornal durante o café da manhã ou de que não pergunta nunca, na hora do jantar, como é que foi o seu dia. Então Bill entra com a seguinte pergunta: "E como é que você se sente com tudo isso?" Se a resposta for: "Sosinha e rejeitada"; ou: "Com raiva, mas achando que isso deve ser assim mesmo", Bill pergunta: "Quando foi que você sentiu algo parecido?" Na maioria das vezes a esposa acaba voltando a alguma ocasião em família, por exemplo quando o pai, homem de vendas, tinha que partir na segunda-feira pela manhã para voltar na sexta, tarde da noite. Bill descobre então que, quando essa esposa começa a trabalhar a mágoa contra seu pai, é comum que o jornal da manhã do seu marido ou algum outro comportamento irritante que ele apresente passe a incomodá-la muito menos ou até deixe totalmente de incomodá-la. Muitas vezes nossas mágoas são mais abrangentes, remetendo-nos aos nossos pais, e o caso não é bem se o marido lê ou deixa de ler um jornal pela manhã, já que muitas pessoas casadas não se importam quando o cônjuge age assim.
Através da CURA das antigas feridas da nossa infância, principalmente aquelas que foram causadas por nossa família e por nossos pais, podemos ser curados das reações exageradas no casamento ou em outra situação do momento presente. Um dos fundadores da terapia familiar, Murray Bowen, constatou que, quando seus médicos residentes trabalhavam as mágoas antigas, originadas em seus pais, acabavam monstrando-se mais bem preparados como terapeutas e progrediam mais na melhora de seu próprio casamento do que os outros residentes que passavam pela terapia convencional com suas esposas.
Os exemplos de nossa família e de nossos pais afetam o modo pelo qual nos relacionamos não só com nosso cônjuge, mas com todas as demais pessoas, especialmente com Deus como Pessoa. Lembro-me da época em que ensinava na reserva dos índios Sioux. Quando ia falar daquela faceta de Deus que é Pai, muitas crianças não queriam ouvir falar do Deus Pai. Tinham medo de que o tal Deus Pai pudesse ser como seus pais alcoólicos cujo humor era imprevisível  e que, por isso, costumavam fazer exigências descabidas ou então ignorar toda a família. Por outro lado, nos tempos de Jesus, quando Ele e seu povo judeu carinhosamente chamavam a seus pais de Abba (que significa, "papai", "paizinho"), eles podiam relacionar-se com Deus como Pai. Talvez a razão pela qual as pessoas , em certas regiões como o México, parecem ter um relacionamento mais afetivo com Maria, a mãe de Jesus, seja porque a mãe mexicana - e não o distante pai mexicano "machão" - é o centro da afeição do lar nesse país. Não só as mães mexicanas, mas qualquer outro relacionamento muito chegado podem afetar nossa vida de oração. Penso, por exemplo, que uma das razões por que acho fácil relacionar-me com Jesus como irmão é o fato de ter um relacionamento muito próximo com meu irmão Matt.
Santíssima Trindade: Pai, Filho e Espírito Santo.

A CURA DAS MÁGOAS DE FAMÍLIA!

Embora nossa família influencie nossos relacionamentos com Deus e com os outros, nem por isso os determina inexoravelmente. Mágoa alguma deve necessariamente nos peralisar. Num recente estudo feito por 984 profissionais da área de saúde mental, a falta de amor e de educação emocional por parte dos pais foi citada como a principal causa de problemas emocionais posteriores. Mas esses mesmos terapeutas observaram que crianças mal-orientadas não estão condenadas a ser adultos bloqueados.
A Sagrada Família - Sinal de AMOR INCONDINIONAL, DIÁLOGO FAMILIAR, UNIDADE e PAZ, que prova que o exemplo existe só precisa ser seguido.

Não temos que ficar enredados nos exemplos de nossos pais nem andar tropeçando em culpas po não termos criado nossos filhos com perfeição. As pessoas não sofrem passivamente suas mágoas, mas podem frequentemente escolher entre deixar-se ferir ou deixar-se ser agraciadas por elas. A título de exemplo, quando trabalhávamos em aconselhamento, constatamos que frequentemente as pessoas apresentavam sintomas de depressão. Se lhes perguntavamos quando é que isso havia começado, apontavam alguma perda e diziam algo como: "Tudo começou quando meus pais faleceram. Depois disso tenho sentido um grande vazio na minha vida." Mais tarde, quando dávamos retiros, daparávamo-nos com pessoas que haviam sofrido as mesmas perdas, mas haviam transformado o sofrimento em oportunidade de crescimento. Por exemplo, encontramos pais adotivos que não só haviam adotado uma criança autista, mas que durante seu casamento foram adotando outras quinze centenas de crianças! Quando lhes perguntei por que adotar tantas crianças, responderam-me: "Somos órfãos e queríamos que nenhuma outra criança sofresse a solidão que sentimos." De outro lado, tínhamos aqueles que vinham à clínica psiquiátrica verdadeiramente abalados pela morte de seus pais e, por outro lado, pessoas que vinham aos nossos retiros e para as quais a morte havia sido um DOM - um DOM que as ajudara a estender suas mãos e a acolher outros mil e quinhentos órfãos.
Jesus curando uma criança. Cristo dizia: "A tua FÉ te salvou!"

Nossa amiga Mary Tanner, da Inglaterra, nos dá o exemplo de como um lar adotivo pode ser edificante para uma criança. Ao longo de anos, os tribunais ingleses foram mandando para Mary uma centena de crianças problemáticas. Ela recebeu esses filhos adotivos porque a outra única opção para eles era a cadeia. Cada uma dessas crianças tinha um distúrbio grave. Por exemplo, um garoto vinha tentando diariamente suicidar-se e várias vezes fora colocado em camisa-de-força. Graças à oração de cura interior para as feridas de sua vida desde o nascimento, ficou completamente curado. Dos cem garotos tocados pelo amor e pela oração de Mary Tanner, apenas quatro retornaram aos tribunais.